Página Inicial>Renda Variável>Programa de ADR

Programa de ADR - American Depositary Receipts

Avalie essa página:
 [871 avaliações]
Obrigado por sua avaliação.

Nessa seção você encontra as principais informações relativas às ADRs do Bradesco, listadas na Bolsa de Valores de Nova Iorque – a NYSE. Além de aumentar a liquidez das ações do Bradesco, essa iniciativa, implementada em 21 de novembro de 2001, trouxe mais transparência aos investidores, principalmente aos estrangeiros. Isso foi possível porque as demonstrações contábeis do Bradesco passaram a ser feitas em “US GAAP”, que é o padrão contábil utilizado nos Estados Unidos. À partir de 2012 (data base 2011), as demonstrações contábeis arquivadas junto a Securities and Exchange Commission dos EUA, ou “SEC”, são realizadas de acordo com os padrões financeiros internacionais de contabilidade “IFRS” (International Financial Reporting Standards) emitidos pelo IASB.

Em 13 de março de 2012, o Bradesco ampliou o volume de negociações de ADRs lastreado em ações ordinárias negociadas no pregão da Bolsa de Nova York.

Vale lembrar que os American Depositary Receipts são um instrumento criado para permitir e facilitar que investidores norte americanos negociem ações de empresas que não são dos Estados Unidos.

Por meio desse instrumento, um determinado número de ações passa a ser representado por um ADR, que são precificadas e negociadas em dólares no mercado de ações americano. O pagamento dos dividendos relativos a essas ações também é feito em dólares.
 

 

Cotações On Line
Fonte: Agência CMA

Comentários

Página não comentada